Entenda o que é alvará de construção e qual sua importância

alvará de construção

Veja no conteúdo

Você já ouviu falar em alvará de construção? Se você está pensando em construir ou reformar um imóvel, esse é um documento essencial que você precisa conhecer. Entender o que é um alvará de construção e por que ele é importante pode evitar muitas dores de cabeça no futuro. Continue lendo para descobrir tudo o que você precisa saber sobre este assunto fundamental.

O que é alvará de construção

O alvará de construção é uma autorização oficial emitida pela prefeitura do município onde a obra será realizada. Este documento é necessário para que qualquer construção, reforma ou demolição seja feita de forma legal. O objetivo principal do alvará é garantir que as obras sigam as normas técnicas e de segurança estabelecidas pelos órgãos competentes, preservando a integridade dos moradores, vizinhos e da própria construção.

Ter um alvará de construção significa que a prefeitura analisou e aprovou os projetos apresentados, certificando-se de que estão de acordo com as exigências do município. Isso inclui verificações sobre o uso do solo, recuos, alturas permitidas, ventilação, iluminação, entre outros aspectos técnicos.

Quais obras precisam de alvará?

Praticamente todas as obras de construção, reforma ou demolição necessitam de um alvará de construção. Isso inclui:

  • Construção de novas edificações.
  • Ampliações de edificações existentes.
  • Reformas que alterem a estrutura do imóvel.
  • Demolições.
  • Regularização de construções já existentes sem alvará.

No entanto, pequenas reformas internas que não alterem a estrutura da edificação, como pinturas, trocas de revestimentos e instalações elétricas ou hidráulicas, geralmente não necessitam de alvará. Mesmo assim, é sempre recomendado consultar a prefeitura local para esclarecer quaisquer dúvidas específicas sobre o seu projeto.

O que acontece se você não tiver esse documento

Realizar uma obra sem o alvará de construção pode trazer várias complicações. Algumas das consequências mais comuns incluem:

  • Multas: A realização de obras sem alvará pode resultar em multas pesadas, que variam conforme o município.
  • Embargo da obra: A prefeitura pode embargar (paralisar) a obra até que a situação seja regularizada, o que pode atrasar significativamente o projeto.
  • Demolição da obra: Em casos mais graves, a construção pode ser considerada irregular e ser demolida.
  • Problemas legais: A falta do alvará pode gerar processos judiciais, além de complicações na regularização do imóvel para venda ou financiamento.
  • Risco à segurança: Sem o alvará, não há garantias de que a obra está seguindo as normas de segurança, o que pode colocar em risco a integridade física dos moradores e vizinhos.

Como obter um alvará de construção?

Para obter um alvará de construção, é necessário seguir alguns passos importantes. Abaixo, detalhamos o processo:

Documentação necessária

A documentação exigida pode variar de acordo com o município, mas geralmente inclui:

  • Projeto arquitetônico: Desenhado por um arquiteto ou engenheiro registrado no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) ou no Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU).
  • ART ou RRT: Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) ou Registro de Responsabilidade Técnica (RRT) do profissional responsável pela obra.
  • Documentos do terreno: Escritura ou matrícula atualizada do imóvel.
  • Taxas pagas: Comprovante de pagamento das taxas municipais referentes ao alvará.
  • Outros documentos: Podem ser exigidos documentos adicionais conforme as características da obra, como laudos técnicos ou licenças ambientais.

Custos

Os custos para obtenção do alvará de construção também variam conforme o município e o tamanho da obra, mas não costuma ultrapassar 300 reais. Geralmente, os custos incluem:

  • Taxa de análise: Cobrada pela prefeitura para análise dos projetos apresentados.
  • Taxa de expedição: Relacionada à emissão do documento.
  • Custos com profissionais: Honorários do arquiteto ou engenheiro responsável pelo projeto e acompanhamento da obra.

Além disso, em alguns casos, podem ser necessários laudos e licenças adicionais que também geram custos.

Alvará de construção tem validade?

Sim, o alvará de construção tem validade, e esse prazo é estabelecido pela legislação municipal. Geralmente, a validade do alvará varia entre um e cinco anos, dependendo da complexidade e do tipo da obra. Caso a construção não seja concluída dentro do prazo estabelecido, é possível solicitar uma prorrogação, desde que a obra esteja regular e sem pendências junto à prefeitura.

Se a obra for concluída dentro do prazo, é necessário solicitar o “Habite-se”, que é a certidão de conclusão da obra emitida pela prefeitura, atestando que a construção foi realizada conforme o projeto aprovado e está apta para ser habitada.

Não deixe de providenciar o seu alvará de construção!

O alvará de construção é um documento indispensável para garantir que a sua obra seja realizada de forma legal e segura.

Obtê-lo envolve seguir um processo burocrático, mas que é essencial para evitar problemas futuros, como multas, embargos e até mesmo a demolição da obra. Sempre consulte a prefeitura do seu município e profissionais qualificados para orientar você em todas as etapas da sua construção ou reforma.

Para mais informações sobre loteamentos e construção do lar ideal, visite o Blog da Match Imob e fique por dentro das melhores dicas e novidades do mercado imobiliário.

Paulo Cavalieri

Paulo Cavalieri

Redator apaixonado por música e em constante busca por novos desafios. Com SEO, aprendo algo novo todos os dias e fico feliz em poder compartilhar esse conhecimento por meio dos meus textos!

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Posts Recentes

Cadastre-se para receber todas as novidades do mercado imobiliário

Conecte-se a seu imóvel ideal e tenha a expertise de marketing como sua aliada para ter o match perfeito com o que realmente importa no mercado imobiliário. 

 

Basta preencher seu e-mail.

Match Imob 2021 © todos direitos reservados